quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Minha gratidão por tudo que me fez, obrigada :)

Quem eu pensei que fosse estar aqui agora, desapareceu.
Quem eu contei sonhos e falei apenas verdades. Quem eu amei toda minha vida, de verdade.
Riu comigo, brincou comigo, falhou comigo.
Falhou, errou, brigou, machucou.
E quando você precisou?
Onde eu estava?
E quando você chorou?
Quem te acalmou?
Ninguém?
Eu tentei? Ou larguei?
E quando você se apaixonou?
Quem mandou?
E tem como evitar? Tem como fugir? Tem como largar?
Da pra resistir?
E se ele de longe viesse?
Oque você faria?
E se de longe chegasse e dissesse que também gosta de você?
Quem te atrapalharia?
Não sei quem, mas eu que não seria.
Quero que ele venha de la, e que vocês se encontrem aqui, pra ver como seria. Pra sentir um pouco da dor da distancia que hoje é minha.

Esse texto é pra uma pessoa em especial, quero que ela saiba que eu a amo acima de todos, mas que estou muito chateada, vai passar, eu sei, só espero que isso não nos distancie além do que é necessario. Só queria que você me apoiasse e confiasse em mim, só isso, mas nada. Te amo, de verdade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário