segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Texto sobre minhas lágrimas nº2

Quando eu digo que amo é porque amo. Quando digo que nunca amei, é porque desejaria não ter amado. As vezes falo coisas erradas. As vezes deixo a raiva falar por mim. Mas quando eu digo que machucou, é porque machucou; E quando sinto que estou ferida, sei que vou cicatrizar. Cicatrizes eu já tenho muitas, uma a mais será apenas uma a mais. O importante é que feche e que eu esqueça onde aquela marca ficou.
Mas quando eu digo que sinto, é porque sinto.

E eu sinto muito. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário